“Meus versos nascem como quem dá luz a um único filho, em gestações que podem durar uma vida ou segundos...” (Chris Amag)



terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Saudade

http://umnovoolhar.nafoto.net/
















A saudade é cheia de lágrimas
E cheia de sorrisos escondidos,
É como um poema sem rimas,
Mas música para nossos ouvidos.

Sentimento que queremos ter,
Mas não queremos sentir,
Paradoxo difícil de entender,
Isso não dá para discutir.

Tenho saudade do que senti,
Sinto falta do que será
E medo do que acontecerá.

Só de uma coisa não tenho medo
E disso não faço segredo:
Nunca vou me esquecer de você.

Chris Amag

10 comentários:

Mariah disse...

Belos sentimentos.bjs

Chris Amag disse...

Obrigada, minha querida irmã...
Pela visita, pelo incentivo e por ilustrar o meu blog!

Falando nisso, esse banco está lindo, representa muito bem a falta de alguém... Você é mesmo uma artista!

Você e "nossa" sobrinha estão lindas nesta foto...

Bjs
Chris

MEU MUNDO E NADA MAIS... disse...

Cris obrigada pela visita, e pela dica, já estive no atelier, e já estou seguindo,
realmente um lindo blog,Assim como o seu que é cheio de vida e de sentimentos reais que tocam a nossa alma, amiga um grande bj
e um ótimo dia.
fique com DEUS!

São disse...

Olá. Adorei seu blog e ainda mais seus escritos que são belissimos!
Notei que voce não acompanha o blog
poesiaevangélica do sammis, que é um dos mais lidos da internet, onde voce poderia compartilhar sua poesia
com milhares de poetas. Se quiser, visite meu blog. Um abraço e que Deus a Abençoe! Adelino

Anônimo disse...

Olá Chris,

Está a ficar bem acompanhada, pelo menos no diz respeito a seguidores!

Há um banco vazio
de flores rodeado
e eu cheio de frio
o computador avariado

Um beijinho,
José.
Reflexões outras divagações

TÂNIA SUZART ARTS disse...

Chris, obrigada pela visita e pelo comentário.
Sou aínda uma aprendiz de poeta.
Estive lendo alguns de seus poemas e quando eu crescer, quero ser igual a você.kkk
Que Deus continue lhe dando inspiração.
Abraços

CRIS disse...

Seus poemas são como bálsamo para a alma ferida e cansada! Ao lê-los suspirei docemente várias vezes.Obrigada por esses momentos poéticos!
Quando possível visite me blog:
http://crismarante.ning.com

leila disse...

Olá Cris!!!!Eu adoro poemas que falam de saudade...que sensibilidade!!!!Parabéns e que Deus abençoe seu talento!!!!Bjus!!!

Leila disse...

Olá Cris!!!!Amei os seus poemas...em especial o "Saudade"...lindo...Que Deus abençoe seu talento!!!Bjuusss!!!

Reginaldo Rocha disse...

Olá Chris! Tudo bem? Olha eu aqui de novo! Desculpa o tempo para respoder seus comentário lá no meu blog. É que como tive que formatar meu HD, demorei um pouco para configurar toda a máquina. Mas agora está tudo bem. ASS: REGINALDO ROCHA

Um abraço!