“Meus versos nascem como quem dá luz a um único filho, em gestações que podem durar uma vida ou segundos...” (Chris Amag)



sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Um poema para o meu filho





  













Quando soube do seu coração
pulsando dentro de mim,
não sei falar da emoção
em simples versos assim...

O sentimento que tive
só quem é mãe pode saber:
nunca tão feliz estive
ao ver o seu coração bater.

Depois disso, o nascimento,
o sorriso, a primeira palavra
e as artes que aprontava...

Agora já é um homem feito,
mas ainda tenho direito:
de ser "eternamente" mãe.

Chris Amag
29-01-09

15 comentários:

Carlos Albuquerque disse...

Sim, esse direito de ser mãe é eterno!
Beijinho

José disse...

Olá Chris,

"Só uma mãe pode saber"
e sabe dar o valor
pois é mãe até morrer
tem o dom e o dever
tratar o filho com amor

beijinho, José

Jacson C. Lima disse...

Lindo e muito materno, é tão importante reafirmarmos o nosso amor memso quando estão grandes, adultos, casados... refirmar traz renovo, graça.

Um Grande abraço,

Jacson.

Reginaldo Rocha disse...

É Cristina, realmente filhos são bênçãos do Senhor. Costumo ler semanalmente seus poemas, embora nem sempre deixe um comentário. São todos bons, pois acredito que sai do fundo da alma. São todos seus? VC está de parabéns!!! Que Deus te abençoe poderosamente! REGINALDO ROCHA
www.reginaldorocha.com
www.evangelhohoje.com.br
http://receitasdiaria.blogspot.com

Sandrahbn disse...

Olá,amiga!
Postei em meu blog Pais e filhos-parte2
Que trás um artigo sobre Filhos Adultos.
Penso que tenha tudo a ver com o que você espera ouvir.

Um Bj. no teu coração!!!

MEU MUNDO E NADA MAIS... disse...

Eternamente mães é o que somos, isso ninguém pode nos tirar, lendo o seu poema, lembrei-me do dia em que fui ter a minha Duda, quanta emoção, enexplicavel,hoje, três anos depois, ainda me emoiciono, ao olhar seu rostinho de anjo.
E sentir , que esse anjo faz parte de mim...

Amiga obrigada
pela visita eu amei
muito obrigada mesmo por tanto carinho
bjs e bom domingo.

Felipe Rafael disse...

Espero que você não tenha o direito de ser eternamente mãe somente, mas também de ser avó, bisavó...

Não consiguo imaginar foto melhor para o poema!

Te amo!

Mariah disse...

M ais felizes das mulheres
a ssim DEUS nos deu este dom
e brindou me duas vezes

Tenho todos os dias novidades em minha volta, e assim vamos vivendo...

Sabemos perfeitamente que um dia eles se vão. Meu coração fica apertadinho imaginando este dia, mas peço a Deus me dar muita luz para educá-los o mais sabiamente possível.

“Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.” (Provérbios 22:6)

Nós que ao mesmo tempo fomos filhas e irmãs, entenderá do que digo...

Grande beijo
Sua Dú

Chris Amag disse...

Queridos amigos, fiquei muito feliz por deixarem comentários neste poema que fiz para o meu filho.

É que neste ano ele está concorrendo a uma vaga em uma universidade pública e eu estou aqui na torcida, parece até que sou eu que estou concorrendo!

Orem para que ele consiga, mas antes de tudo que seja a vontade de Deus.

Chris

Chris Amag disse...

Minha querida irmã!

Obrigada pelo provérbio, era exatamente isso que faltava aqui.

Chris

Fernando Khoury disse...

Nunca serei mãe, mas pelo que vejo na minha, tenho certeza que é uma das experiências mais lindas da humanidade.

Parabéns pela linda poesia!

"Meu filho, guarda os preceitos de teu pai, não rejeites a instrução de tua mãe". Provérbios 6.20

Dani disse...

noh, que honra ter um poema escrito pela mãe

rss ;)

beijos moça

ainda não sou mãe, mas vou estudar a idéia de fazer poemas assim pros meus filhos ihihi

carla disse...

Muito lindo e verdadeiro!
É maravilhoso ser mãe.
Parabéns Chris.

José disse...

Olá Cris,
às vezes fique a pensar será que disse alguma coisa que não devia.
A Cris sabe que há mâes, que não fazem o seu dever como mães, e nem tratam os filhos com amor, o que não é o seu caso, que está rezando
para que o seu filho entre na Universidade. Eu tenho um filho e uma filha, entraram na Universidade publica e já são licenciados ele em gestão, e ela em econemia,ele é prefessor Universitário, ela é fucionária seperior da admistração pública.
Eu estou a dizer isto porque também tratei os meus com amor e tratarei sempre.

um beijinho,
José

Hubner Braz disse...

Mae e tudo!!!