“Meus versos nascem como quem dá luz a um único filho, em gestações que podem durar uma vida ou segundos...” (Chris Amag)



sexta-feira, 9 de abril de 2010

O verdadeiro amor

http://sombradosol.zip.net














Há quem busque beijos inesquecíveis,
eu busco o beijo que se insinua,
olhos que se entregam em silêncio,
mãos que se encontram de repente
e arrancam suspiros escondidos...

Há quem busque um abraço que aperta,
eu quero apenas braços em minha volta,
quero caminhar no mesmo passo, juntos,
sentir que está do meu lado, só isso,
nada mais importa, se está comigo...

Há quem busque alguém para conversar,
eu quero alguém que pense em mim,
e eu possa sentir a sua presença assim,
aqui dentro do peito, mesmo longe,
para mim, esse é o verdadeiro amor.

Chris Amag

POEMA FALADO

9 comentários:

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Parece que esse poema saiu de mim. Lindo demais,Chris. Beijos e ótimo final de semana

José disse...

Olá Cris,
Pois eu penso em você,
por isso aqui estou
como vocês dizem ai
você desta vez arrasou

um bom final de semana
um beijinho,
José,

Lu Nogfer disse...

Ola Chris

Teus poemas sao lindos,teu cantinho é mágico!

Voltarei outras vzs!

Um otm fim de semana!
Beijos!

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Que bom Chris que o comentário apareceu. Amei a coincidência. Legal mesmo.Um ótimo final de semana. Fique com Deus.Beijos

Rosiane disse...

(suspiros...)
Procuro um amor assim...
(mais suspiros...)

rs...
Lindo Cris, parabéns!
Bjo
Ro

António disse...

Eu gostava de encontrar alguém
Que pudesse dizer-lhe em silencio
Sem palavras
Num olhar apenas
Adoro-te

Obrigado pela tua visita.
Beijos
António

Mariah disse...

Nossa! Muito lindo

Sem comentários, amei!!!

Marisete disse...

O verdadeiro amor...Quem não o procura? Enfim, eu encontrei Quem tem o verdadeiro amor...Que Deus nos abençoe!!!
beijos

Hubner Braz disse...

Chrus, Lindo Poema...

Estou lendo e re-lendo.

Beijos e Abraços