“Meus versos nascem como quem dá luz a um único filho, em gestações que podem durar uma vida ou segundos...” (Chris Amag)



terça-feira, 2 de abril de 2013

Fortalecidos para a vida

Imagem da internet

Na vida tudo passa, passa a vontade, a curiosidade, o tempo,
Tempo de plantar, de colher, e lançar fora para adubar a terra.

Na vida tudo passa, o rancor, o orgulho, qualquer sentimento,
... Sentimento que tira a paz do coração... Nada mais é o que era.

Na vida tudo passa, a procura, o medo de tentar, a falta de razão,
Amadurecemos, ficamos fortes para arriscar, nada mais importa,

Na vida tudo passa, não podemos deixar a felicidade à porta...
A nossa fé acalma e termina a eterna busca do nosso frágil coração.

Maria Cristina Gama
01-04-2013 22h30


3 comentários:

Arnoldo Pimentel disse...

Tudo no seu tempo.Parabéns.

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Gostei muito. Tudo passa sim nessa vida, a própria vida parece passar num piscar. Só não podem passar nossa fé e obstinação.Parabéns!

Ygo Maia disse...

Na vida tudo passa. Nada é para sempre!
Parabéns pelo poema, Chris!
Beijos!!