“Meus versos nascem como quem dá luz a um único filho, em gestações que podem durar uma vida ou segundos...” (Chris Amag)



segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Alguém que segure a nossa mão...

O caminho não importa, se existem pedras, os obstáculos são experiências que nos fortalecem, se há escuridão usaremos a luz dos nossos olhos e do coração, e se não sabemos aonde ele nos leva, não devemos ter medo... O que importa é ter alguém do nosso lado, que caminhe junto, que segure a nossa mão... Assim, tudo fica mais fácil! (Maria Cristina Gama)

Nenhum comentário: